O que é Preciso para se tornar uma Autoridade?

Depois de aqui ter explicado como funciona a norma da autoridade e de ter dado alguns exemplos dessa mesma norma, encontrei duas interessantes entrevistas com Harry Collins, um sociólogo da Universidade de Cardiff que tem dedicado parte da sua carreira à problemática das autoridades científicas, ou como se diz em inglês e com mais propriedade à questão dos “experts” e de como pode alguém assumir essa posição.

Deixo aqui duas frases que penso definirem bem as questões problemáticas em torno das “autoridades”:

Nowadays any parent of a young child, or anyone who can access the Internet, thinks their opinions on technical matters are sound.

We believe that you can work out whether someone has the right scientific expertise and experience to make some sensible contribution to scientific debates. It doesn’t mean they’re right. What you have to do is not sort out the people who are right and wrong; what you have to sort is the people who can make sensible contributions from those who can’t. Because once you stop doing that, things go horribly wrong.

Se quiserem saber um pouco mais ficam aqui os links para as duas entrevistas:

The Bookshelf talks to Harry Collins – American Scientist Online

Scientists Know Better Than You and Me – Even When They’re Wrong – Scientific American

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s