Escutar os Social Media: Guia Básico de Monitorização para Empresas

“A vida é como uma caixa de chocolates. Nunca sabes o que vais encontrar até desembrulhares cada um.” Forrest Gump

Esta frase da personagem de Tom Hanks aplica-se na perfeição aos social media: uma caixinha de surpresas que também pode ser um pesadelo para a reputação de uma pessoa ou de uma empresa. Nunca é demais relembrar o problema de relações públicas em que a Dell se viu envolvida devido aos posts de Jeff Jarvis acerca do mau serviço de apoio ao cliente que a empresa de computadores fornecia. Cá em Portugal, o caso mais mediático envolveu José Sócrates e as questões levantadas em torno da sua licenciatura no blog Do Portugal Profundo que mais tarde chegaram aos jornais.

A verdade é que o blog em questão já havia levantado a questão há tempo suficiente para que fosse tomada alguma acção por parte do Primeiro-ministro no sentido de minimizar as potenciais consequências que a situação poderia vir a ter. Se mais exemplos são necessários para demonstrar o impacto que os social media podem ter sobre uma empresa basta recordar a queda das acções da Apple devido a um post do blog Engadget resultando em perdas estimadas em cerca de 4 biliões de dólares!

Com este facto em mente, e com o objectivo de contribuir para uma discussão cada vez mais pertinente sobre o estado dos social media em Portugal, resolvi criar uma série de posts acerca da questão da monitorização dos social media. Não pretendo que este “guia” seja visto como uma referência, mas sim como um ponto de partida para uma discussão mais alargada. Como o próprio nome o indica, aqui procurarei identificar o básico do processo de monitorização dos social media, de forma a que seja acessível a todos e não apenas aqueles que já estão perfeitamente identificados com o tema.

Durante esta semana – assumindo que tudo corre como planeado🙂 – irei lançar os posts que compõem esta série onde irei abordar os motivos pelos quais os social media devem ser monitorizados, aquilo que deve ser monitorizado, onde se devem centrar as estratégias de monitorização, as ferramentas disponíveis para efectuar a tarefa e, para terminar, explicar como se pode montar um centro de monitorização dos social media com pouco esforço.

Críticas e sugestões serão bem recebidas!

5 thoughts on “Escutar os Social Media: Guia Básico de Monitorização para Empresas

  1. Pingback: Onde Devem as Empresas Centrar a Monitorização « Dissonância Cognitiva

  2. joana

    “A vida é como uma caixa de chocolates. Nunca sabes o que vais encontrar até desembrulhares cada um.” Forrest Gump
    …mas normalmente as caixas de chocolate trazem uma descrição do chocolate…se é de amendoa, de nozes…logo podes ter uma percepção do que vais comer…certo? e já ficas a saber se gostas ou não. Nem precisas de os comeres.

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s