Psicologia da Arbitragem: Equipar de Vermelho Favorece as Equipas

Nota: este post tem um pouco de provocação clubística gratuita no final.

Equipar de vermelho pode não trazer vantagens do ponto de vista da qualidade do desempenho, mas parece ter reflexo em termos do comportamento das equipas de arbitragem na avaliação de situações decorridas durante as provas. Pelo menos é aquilo que parece indicar um estudo levado a cabo por psicólogos da Universidade de Munster na Alemanha, que avaliou o viés de árbitros profissionais de tae kwon do em função da cor do equipamento dos atletas em competição.

Foram apresentados aos árbitros dois conjuntos de imagens de situações de combate em que um dos atletas equipava de vermelho e outro de azul. Os sets de imagens eram na realidade apenas um, já que o segundo set consistia nas mesmas imagens alteradas digitalmente no sentido de trocar a cor do equipamento apresentado pelos atletas. Ou seja, aquilo que víamos o atleta equipado de vermelho fazer num set, víamos o atleta de azul efectuar no outro, já que na realidade o atleta era exactamente o mesmo exceptuando a manipulação da cor. Aquilo que os investigadores descobriram foi que os atletas de vermelho eram claramente favorecidos pelos árbitros.

Em média, os árbitros atribuíam 13% mais pontos aos atletas de vermelho comparativamente aos de azul. Mais interessante ainda foi a descoberta de que a manipulação digital da cor alterava a avaliação feita a um dado atleta. Mais concretamente, quando um atleta era visto primeiro com o equipamento vermelho recebia mais pontos do que quando era vista a sua versão em ‘azul’. Já no caso em que os atletas eram primeiro vistos como equipando de azul e posteriormente de vermelho, notou-se um aumento positivo das avaliações por parte dos árbitros.

De acordo com os autores, este estudo demonstra que os árbitros apresentam um viés de percepção favorável aos atletas que equipa de vermelho, um facto que pode ser importante em encontros mais equilibrados. Os autores concluem afirmando que, embora este estudo deve ser alargado para outros espectros de cor e outros desportos, poderá ser importante ter em conta estes dados no sentido de alertar os árbitros para a existência deste enviesamento, mas também para os munir de tecnologias que os apoiem em termos de tomada de decisão.

Claro que sem mais dados a comprovar estes, e de preferência alargados a outros desportos, não será possível afirmar com toda a certeza que este viés é generalizável, mas não deixa de ser uma descoberta interessante.

Agora segue a provocação gratuita.

Teria sido muito mais simples aos investigadores, e muito menos dispendioso em termos monetários e logísticos, fazer uma assinatura da Sport TV para assistir aos jogos da liga portuguesa para comprovar que de facto as equipas de vermelho, ou pelos menos uma em particular, são beneficiadas pelos árbitros. Sobretudo sobre as equipas que equipam de azul.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s